União SAD emite comunicado e promete regularizar salários

Foto: DR

O União SAD emitiu um comunicado esta quarta-feira, onde informa sobre uma série de pontos inerentes ao quotidiano da gestão do emblema unionista.

No primeiro ponto, referente à auditoria, a direção da SAD informou que os sócios deliberaram a “abertura imediata da auditoria, que foi adjudicada à empresa Kreston & Associados – Sroc, Lda”, acrescentando que a auditoria prende-se com a “gravidade dos factos dos mesmos constantes, da sua relevância disciplinar e da necessidade de apuramento rigoroso das responsabilidades individuais ou colectivas pela prática dos mesmos”.

Os unionistas informam ainda a inscrição de Sérgio Nóbrega, como presidente da Comissão Executiva de Fernando Ramos Gomes como administrador executivo e ainda de Welesson Borges (jogador).

Em relação à questão dos salários, a direção da SAD informa que os mesmos serão regularizado.

“Informamos que a regularização de salários referentes à época de 2019/2020 começaram hoje a ser efetuados, ficando por apurar e saldar os vencimentos em atraso denunciados pelos funcionários do clube referentes ao ano de 2018. Em alguns casos há jogadores com 5 meses, técnicos com 3 meses de atraso e alguns funcionários denunciaram 24 meses de salários em atraso, pelo que aguardaremos os esclarecimentos do ex-presidente da SAD, tendo este sido já notificado para o efeito”, explica a SAD unionista.

Deixe um comentário