União assinalou 107.º aniversário

Foto: DR

O Clube Futebol União assinalou ontem o seu 107.º aniversário, com uma cerimónia simbólica na sua sede no Vale Paraíso.

Antes disso, celebrou-se a respetiva missa na Sé do Funchal, uma visita aos cemitérios e um ‘Madeira de Honra’ no Museu do CF União na Camacha e respetiva colocação da fotografia de Tânia Silva na ‘Galeria dos Presidentes’.

Na ocasião, Estanislau Barros, presidente da Mesa da Assembleia Geral do Clube, usou da palavra, realçando a paixão dos adeptos e dos seus órgãos sociais.

“A minha primeira palavra vai para os unionistas, aqueles que desde 1913 amam o seu clube, sem divisões ou sectarismos mas também para os órgãos sociais que aceitaram esta missão difícil, feita de altruísmo, de resiliência, de dedicação sem precedentes, muitas vezes tirando tempo às suas famílias e profissões, numa demonstração de unionismo exemplar”, começou por dizer.

Estanislau voltou a mandar um recado, afirmando que o União “jamais será liderado de fora para dentro”, afirmando “ter orgulho” de presidir a Mesa da Assembleia Geral do clube.

Seguidamente, Estanislau deixou uma palavra ao Governo Regional, definindo o mesmo como “um parceiro presente” ao longo da história unionista, sendo por isso um “aliado forte e de confiança”.

Na ocasião, marcaram presença diversas entidades, tais como Jorge Carvalho, Secretário Regional da Educação, Ciência e Tecnologia, em representação do Governo Regional e ainda David Gomes, da Direção Regional de Desporto. Rui Marote (AFM) e Jaime Silva, em representação da Câmara Municipal de Santa Cruz também estão presentes, numa cerimónia simbólica restrita só a convidados oficiais.

Em relação a homenagens, Jaime Ramos e Tânia Silva foram os visados, com o clube a reconhecer o contributo de ambos no seu desenvolvimento e na sua história.

Deixe um comentário