Rui Alves acusa Marítimo de monopolizar apoios públicos

Foto: Joana Sousa

O Nacional, equipa da II Liga portuguesa de futebol, apresentou-se ontem aos sócios, com o grande objetivo de regressar à I Liga.

Esse desejo ficou bem vincado, nas declarações, quer do presidente Rui Alves, quer do treinador Luís Freire ou do capitão Rúben Micael.

O presidente do Nacional assegurou às centenas de sócios presentes que a equipa parte para esta época “com o objetivo de atingir a I Liga”, esperando “compromisso e ambição” ao grupo de trabalho para atingir tal desiderato.

Rui Alves aproveitou o ensejo para visar o seu eterno rival, o Marítimo, afirmando que “existe a estratégia da terra queimada”, apontando para “um clube único” na I Liga.

Na sua análise, “não houve no setor do desporto corporativismo”, face ao desinvestimento feito pelo Governo Regional da Madeira no futebol profissional.

Deixe um comentário