Nuno Manta não esperava ser derrotado pelo Beira-Mar

Foto: HOMEM DE GOUVEIA/LUSA

O treinador do Marítimo, Nuno Manta Santos, confessou há momentos que nunca lhe passou pela cabeça acabar eliminado pelo Beira-Mar no jogo deste domingo para a Taça de Portugal.

“Deixámos marcar um golo, que dificultou muito mais a nossa tarefa, mas nunca pensei que saísse daqui derrotado”, afirmou o técnico aos jornalistas no rescaldo do afastamento do Marítimo da prova rainha.

“Não podíamos cometer erros individuais e coletivos, depois há o golo do Beira-Mar, tentámos gerir o tempo de jogo, tentámos de várias maneiras, mas não conseguimos, fomos para os penaltis e a competência vem ao de cima nessas alturas. Parabéns ao Beira-Mar”, acrescentou.

“Se formos analisar, os golos que sofremos foram um pouco consentidos. Tem muito a ver com competência individual, em alta competição isso paga-se caro, há situações que podemos e devemos ser melhores”, rematou.

Deixe um comentário