Marcos Freitas decisivo para a liderança na Rússia

Foto: EPA

A Liga Russa de Ténis de Mesa 2018/2019 teve continuidade entre 21 e 23 de dezembro, com a realização da segunda concentração, relativa à primeira fase da competição. No rescaldo, o Fakel Gazprom (Orenburg) continua na liderança da prova.

Esta competição teve assim continuidade, com a realização da segunda ronda, em Slavyansk-on-Kuban, onde Marcos Freitas voltou a ser decisivo na equipa do Fakel Gazprom (Orenburg), garantindo importantes triunfos individuais.

A sua equipa realizou vários encontros, vencendo frente a Kazan (3-0), Svyazist UFA (3-0), UGMK-ELEM (3-0), CSK VVS (3-0), Kuban-Sedin (3-0) e UMMC (3-1).

No encontro mais importante da jornada, frente ao segundo classificado – UMMC -, o atleta internacional madeirense alcançou dois triunfos, determinantes para o desfecho final, favorável ao Fakel por 3-1. Marcos Freitas venceu o russo Alexander Shibaev por 3-1 (11-8, 11-7, 1012 e 11-2) e o dinamarquês Jonathan Groth, desta feita por 3-2 (10-12, 11-7, 12-10, 7-11 e 11-5), depois de Vladimir Samsonov ter sido derrotado, na primeira partida do encontro.

A equipa do madeirense, que ainda não conheceu o sabor da derrota, lidera a classificação com vinte e dois pontos, estando em vantagem para a revalidação do título nacional.

A nível individual, Marcos Freitas é o segundo atleta mais valioso da competição, com um rácio de 9.5, tendo alcançado vitórias em todos os encontros realizados até o momento. O atleta madeirense destaca-se assim na equipa russa, com boas exibições na Liga Russa e Liga dos Campeões.

Na última atualização ao Ranking Mundial, Marcos Freitas desceu para a 25ª posição, nove posições abaixo da última publicação. Com os resultados menos positivos no Open da Áustria e Suécia, aliados aos novos critérios da classificação mundial, Marcos sai do Top 20 Mundial, registo que já mantinha há alguns anos.

Deixe um comentário