Luís Freire diz que o único resultado que interessa é uma vitória com o Tondela

Foto: DR

O técnico do Nacional, Luís Freire, afirmou hoje que a sua equipa tem de se assumir como favorita na receção ao Tondela, na 11.ª jornada da I Liga de futebol, num encontro em que só a vitória interessa.

O Nacional vem de uma sequência de três derrotas para o campeonato (Portimonense, Santa Clara e FC Porto), que foi quebrada com uma vitória ante o Leixões, por 3-1, na Taça de Portugal, uma vitória que Luís Freire deseja que seja o início de uma fase melhor.

“É de esperar uma reação. O Nacional vai dar o seu máximo para vencer. Só nos interessa a vitória neste jogo, tal como no jogo de quarta-feira [Leixões]. Acreditamos muito no nosso grupo e no nosso trabalho”, disse.

Luís Freire considera que o seu grupo tem correspondido, considerando-o “muito trabalhador, muito guerreiro, muito humilde, com uma grande vontade de vencer”.

“Sabemos que a vitória é o que nos interessa. Pontualmente é importante, para estabilizarmos na primeira metade da tabela e não na segunda metade, que é o que este jogo nos dá acesso. Respeitamos o nosso adversário, mas só pensamos em vencer”, sublinhou.

Pese o desejo de vencer, Luís Freire espera dificuldades para este jogo, frente a um Tondela que “joga habitualmente com três centrais, num 5x4x1, que se transforma num 3x4x3 a atacar”.

“São normalmente pressionantes, com extremos rápidos e médios de cobertura e com capacidade de ter a bola, aproveitando a profundidade dos extremos. Estamos bem identificados com o adversário, que não vence há quatro jogos e que ainda não venceu fora e temos de nos assumir como favoritos neste jogo e carimbar três pontos, que é o nosso objetivo”, afirmou.

Por vezes o Nacional tem tido um rendimento menor na primeira, melhorando na segunda metade da contenda, algo que Luís Freire reconhece, embora considere que o importante é o resultado final.

“Se pudéssemos escolher, queríamos começar sempre à frente do marcador, que é sempre melhor, mas o que queremos é no final do jogo ter os três pontos. Mas queremos entrar determinados e a pressionar e a mandar e é isso que vamos procurar fazer no jogo”, disse a concluir.

O Nacional, 13.º, com dez pontos, recebe no domingo no Estádio da Madeira, no Funchal, a partir das 15:00, o Tondela, 16.º, com nove, em partida relativa à 11.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, que será arbitrada por João Bento, da AF Santarém.

Deixe um comentário