Grande Prémio do Funchal poderá ser precursor para prova internacional de motonáutica na Madeira

Foto: DR

Paulo Ferreira, presidente da Federação Portuguesa de Motonáutica, anunciou, esta manhã, a realização do Grande Prémio do Funchal a 31 de agosto e 1 de setembro, quase um mês depois de ter afirmado a intenção de fazer regressar uma prova da modalidade à Região.

Numa conferência de imprensa destinada à apresentação do evento, realizada na Câmara Municipal do Funchal, o dirigente voltou a frisar o desejo que já tinha transmitido na última deslocação à Madeira, no início de março, de promover o regresso de uma prova de motonáutica à Região, 11 anos depois. Segundo Paulo Ferreira, o desejo foi partilhado pela autarquia, a quem agradeceu os esforços.

“O Funchal demonstrou o apreço que tem pela motonáutica”, sublinhou. “Disse que gostava de voltar a ter uma prova na Madeira, e o facto de estarmos de regresso devemos essencialmente à Câmara do Funchal.”

O presidente da Federação Portuguesa de Motonáutica deixou ainda a intenção de continuar a apostar na Região como ponto de passagem no mapa da modalidade. “Hoje damos o primeiro passo de muitos, que poderá culminar com a vinda de uma prova internacional, mas vamos começar pelos alicerces. Vamos começar pelo campeonato nacional, e pela formação”, referiu.

A prova vai realizar-se a 31 de agosto e 1 de setembro, e vai ser inserida numa semana com diversas atividades náuticas. Entre os parceiros estão o Marítimo e o ARCA D’Ajuda.

Deixe um comentário