Futebolistas do Marítimo na fase final

Foto: DR

A primeira metade do encontro do desafio foi pautado pelo equilíbrio notório entre ambos os conjuntos, com a equipa maritimista a causar alguns perigos para a defensiva contrária.

Mas foi nos últimos minutos do primeiro tempo, que o adversário procurou mais intensamente a baliza verde-rubra, conseguindo arrancar uma grande penalidade que resultou em golo.

No segundo tempo, as leoas maritimistas foram ameaçando a defensiva contrária com situações de bola parada, até que, no seguimento de um pontapé de canto, Marcelly cruzou para a cabeça da central Vanessa Gomes que rematou para o fundo das redes, restabelecendo o empate.

Pouco depois, o adversário, numa jogada de rápida de contra-ataque foi eficaz e desfez, uma vez mais, o equilíbrio no marcador, pondo assim ponto final na partida.

O resultado não foi o desejado, mas já pouco depois do final do jogo os festejos acabaram mesmo por acontecer, assim que se percebeu, face à conjugação de outros resultados – o empate o Torrense na casa do Amora – que a qualificação estava garantida.

Deixe um comentário