Funchal recebe Evento Internacional de K1 e Muaythai

Foto: DR

A 25 de maio, o Funchal pela segunda vez, vai receber um evento único de K1 e Muaythai, a ‘Gala Internacional da Macaronesia II’. O evento decorrerá na Praça do Mar, junto ao Museu CR7 e terá inicio pelas 19h30, informa a Associação Desportos de Combate da Madeira em comunicado.

Lê-se na mesma nota que a Gala Internacional da Macaronésia promete emoções fortes, pois irá reunir os melhores lutadores, da modalidade de K1 dos quatro arquipélagos que compõem a Macaronésia (Madeira, Açores, Canárias e Cabo Verde) e colocar em disputa, pela segunda vez um titulo inédito; o Cinturão de Campeão da Macaronésia.

“Porém e, apesar do título inédito, os outros dois grandes momentos da noite advinham-se com os dois combates que irão colocar frente a frente no ringue os atletas, Daniel Andrade e Viriato Duarte, no combate nº 7, e os atletas Cleandro Abreu e João Francisco, no combate nº 8”, acrescenta.

Mais refere que em “disputa estarão os tão desejados Títulos Nacionais de Muaythai, pelo que se espera que sejam dois combates plenos de emoção e competitividade”.

Antes dos combates dos títulos, “haverá ainda mais um combate do escalão Neo Pro, opondo um atleta do Clube Sport Marítimo, Alexandre Freitas e um atleta de Canárias, Alberto Soza e três combates de Classe C, amadores, um dos quais opondo um atleta da Madeira contra uma atleta Açoriano”, ressalta.

De acordo com a entidade será “uma intensa ‘Fight Night’, onde não faltarão motivos de interesse e certamente os níveis de adrenalina serão em crescendo durante toda a noite”.

A organização “pretende acima de tudo desmistificar os desportos de combate e aproximar cada vez mais esta modalidade da população”.

Quanto aos bilhetes “custam 10 luvas e estão à venda na Tasca do Abreu, na Escola de Condução Alternativa, Caminho São Martinho, na Loja Smart Cartridge na Rua da Carreira e Centro Comercial Anadia, na Associação Desportiva de Muaythai da Madeira, Clube de Kickboxing do Funchal, Clube Sport Marítimo e na bilheteira no local do evento”.

Além dos bilhetes para a plateia, “a organização tem uma zona VIP, onde estão à disposição mesas de cinco e três pessoas, no valor de 300 luvas ou 200 luvas respetivamente, com direito a comida e bebida”.

“O K1 e o Muaythai é uma arte marcial de origem Tailandesa conhecida como Thai Boxe ou Boxe Tailandês que visa trabalhar a flexibilidade e a agilidade do corpo, de modo a que seja possível esquivar-se corretamente dos ataques adversários. Trata-se do desporto Nacional numero da Tailândia e foi criado pelo povo como instrumento de defesa em tempos de guerra e tem como principal desígnio a obtenção de um bom estado geral de saúde. As regras diferem conforme os escalões e classe dos atletas, sempre em conformidade com o Regulamento da Federação Portuguesa de Kickboxing e Muaythai”, explica a organização.

A mesma garante que a “integridade física dos participantes é sempre uma prioridade”.

Deixe um comentário