Daniel Ramos: «Este é um dos cenários que nós não queríamos»

Foto: Lusa

O treinador do Marítimo, Daniel Ramos, não ficou satisfeito com o empate diante do Estoril que adiou a conquista de um lugar europeu para a última jornada da Liga NOS.

“Este é um dos cenários que nós não queríamos. Tínhamos a clara intenção de vencer, era essa a nossa ideia. Acusámos alguma ansiedade e nervosismo, o que é natural e, às vezes, é difícil de controlar. Depois de estarmos a vencer, acreditámos que era possível segurar a vitória até ao final e ver o que acontecia no outro jogo [Desportivo de Chaves-Rio Ave]. Foi pena que aconteceu o empate, que nos deu uma maior imprevisibilidade de sermos já sextos, o que depois veio a confirmar-se. Estamos tristes. Sabíamos que isto podia acontecer. Temos tudo para resolver no último jogo e vamos preparar esta semana com o intuito de irmos a P. Ferreira resolver a nosso favor esta classificação”, afirmou.

O técnico abordou também o facto de não poder contar com alguns jogadores para a última jornada. “Não devíamos ter ficado sem esses três jogadores [Edgar Costa, Raúl Silva e Fransérgio, que falham a última jornada por castigo]. Tem o lance do Raúl, que possa ser mão, apesar da pouca distância, mas não entendo os cartões amarelos ao Fransérgio e ao Edgar, que são perfeitamente escusados. Por vezes, há falta de sensibilidade das equipas de arbitragem de perceber os momentos, a importância e a intensidade dos jogos e privámos de jogadores importantes para o último jogo. Devia haver mais condescendência porque não faz sentido perder estes jogadores por situações que podiam ser perfeitamente evitáveis”.

Apesar do resultado desfavorável, o técnico dos madeirenses realçou um ponto positivo que marcou toda a temporada do Marítimo. Terminámos a época sem perder em casa e acho que é extremamente importante obter bons resultados perante a nossa massa associativa. O fator casa tem cada vez mais importância nos resultados e o treinador sente-se contente e os adeptos sentem-se contentes. Tivemos hoje um grande apoio e agradecemos por isso, mas não conseguimos festejar hoje com eles”, concluiu.

Deixe um comentário