Daniel Ramos pede concentração para jogo com Desportivo das Aves

Foto: DR

O treinador do Marítimo, Daniel Ramos, destacou hoje a importância da concentração e do rigor para o encontro de sábado com o Desportivo das Aves, a na 23.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Frente a frente, na Vila das Aves, vão estar duas equipas que vivem momentos diferentes: os madeirenses não ganham há oito partidas no campeonato, enquanto os anfitriões venceram as últimas duas e com resultados ‘gordos’ (5-2 ao Belenenses e 3-0 ao Boavista).

“O Aves não vinha a marcar muitos golos e, em dois, conseguiu fazer muitos golos. Eles entraram num ciclo positivo e vão tentar prolongá-lo. Nós estamos num negativo e vamos procurar quebrá-lo e, para isso, é preciso todo o tempo de jogo e o arranque é muitas vezes preponderante em relação aquilo que vai acontecer a seguir”, afirmou Daniel Ramos, na conferência de imprensa de antevisão.

Uma entrada de alto nível é importante, mas o técnico ambiciona que os seus jogadores consigam manter a qualidade de jogo ao longo dos 90 minutos e, para tal, a concentração e o rigor são vistos como pontos “decisivos” para o desfecho da partida.

A pressão é sentida do lado maritimista, que atravessa a pior fase da temporada, embora Daniel Ramos tenha assegurado que este desafio não é especial ou diferente de outros.

“Pressionado neste jogo? Em todos, sempre. Não mais do que outros. Nunca vejo nenhum jogo como decisivo para o meu futuro. Vejo sim um jogo difícil, em que temos de nos preparar para as adversidades”, respondeu.

Para o treinador, havendo competência, momentos negativos são “temporários” e acrescentou que difícil não é ganhar, mas sim “ganhar muitas vezes”.

“Temos que ser nós a dar respostas. Para isso, é preciso trabalharmos, é vermos o que tem faltado, vermos o que fizemos no passado e que não estamos a conseguir fazer agora e, dentro desta analise, trabalharmos forte com o pensamento positivo”, salientou.

O balanço da semana de trabalho foi visto como positivo e Daniel Ramos procura que o grupo de trabalho se mantenha unido e com uma atitude otimista, sem baixar os braços.

O Marítimo, nono classificado, com 29 pontos, visita o Desportivo das Aves, 16.º, com 20, no sábado, pelas 16:00.

Deixe um comentário