Daniel Ramos: «Disse aos jogadores que podíamos fazer história»

Foto: Hélder Santos

Daniel Ramos comentou a vitória deste domingo diante do V. Setúbal, dizendo que a equipa do Marítimo teve de sofrer para ficar com os três pontos.

“Foi bom o resultado, a exibição foi razoável. Tivemos momentos bons, outros nem tanto. Foi preciso defender, sofrer. Faltou algum esclarecimento e tranquilidade. Na primeira parte, conseguimos gerir melhor os momentos do jogo e fomos mais tranquilos. Na segunda, houve a reação do Setúbal, que nunca desistiu e arriscou. Queríamos ter posse de bola e tirar iniciativa ao adversário e acabámos por dar, mas fizemos um jogo positivo, de boa atitude e de pressão”, frisou o técnico.

O treinador dos insulares dirigiu depois palavras aos mais de sete mil adeptos que marcaram presença nas bancadas: “Vi mais pessoas com cachecóis e camisolas do Marítimo. Não tivemos tanta assistência como em outros jogos, mas continuamos com uma onda positiva. Sentimos, em muitos momentos, o apoio da massa associativa e é extremamente importante que isso aconteça. Temos muitos pontos conquistados em casa e isso deve-se muito à empatia e interação que existe entre todos”.

Daniel Ramos pronunciou-se depois sobre a corrida a um lugar europeu: “Sermos candidatos ou não à Europa, para nós, não diz nada. Somos uma equipa que quer lutar por isso? Sem dúvida alguma. Mas isso não é ser candidato, é ser uma equipa que tem ambição para o conseguir e para o tentar. Não queremos é que nos digam que, se não conseguirmos, falhámos. Isso é injusto para a equipa. Vamos procurar a melhor classificação. Se der, espetáculo, foi mais do que nos foi pedido. Se não der, missão cumprida, já conseguimos a nossa manutenção”.

Por fim, o técnico expressou o seu agrado pela série de 10 jogos consecutivos sem perder na Liga, uma marca recorde no clube insular.

“Muito satisfeito, foi no meu ano de estreia. Soube há dias que podia bater esse recorde. Disse aos jogadores que tínhamos possibilidade de fazer história. Queremos saborear esta vitória e prolongar este ciclo”, concluiu.

Deixe um comentário