Costinha confia na primeira vitória

Foto: Paulo Calado

O Nacional ainda não venceu na 2.ª Liga – empates com Penafiel e Benfica B nas duas primeiras jornadas – mas Costinha atira para longe a ideia de pressão acrescida sobre a equipa para o jogo deste sábado com a Oliveirense, em Aveiro. “A pressão que existe é a normal de quem disputa esta liga. Os jogadores têm trabalhado bem e tem faltado uma pontinha de sorte, como no último jogo em que falhámos uma grande penalidade. Se a tivéssemos concretizado, não se falava de nada”, considerou.

O treinador nacionalista explica que o grupo está à procura da primeira vitória e acredita que os primeiros três pontos “vão aparecer o quanto antes” devido à forma como o trabalho está a ser encarado. Para o jogo com a Oliveirense antevê uma partida “bem disputada com duas equipas à procura de ganhar. Como todos os adversários que sobem de divisão, a Oliveirense traz alguma ilusão de fazer uma boa campanha. Tem jogadores experientes e vai ser um opositor difícil num bom estádio, como é o Municipal de Aveiro. Veremos, no final dos 90 minutos, quem foi mais forte”, disse.

Deixe um comentário