Alexandre Camacho é o líder do rali da Ribeira Brava após a disputa das cinco primeiras classificativas

Foto: © PA

Depois da vitória alcançada na ‘superespecial’ de sexta-feira, Alexandre Camacho (Skoda Fabia R5) está instalado no 1.º lugar do rali da Ribeira Brava, a 4.ª prova do campeonato regional de Ralis na altura em que estão disputadas cinco provas especiais de classificação.

Para já, o rali fica marcado pela desistência de Pedro Paixão, em Skoda Fabia R5, na altura em que o jovem piloto lutava à décima de segundo pela liderança da prova. Uma avaria no braço de direção acabou por deitar por terra nas aspirações do jovem piloto.

Com o tempo de 25 minutos e 20 segundos e 9 décimos, o líder do regional e do rali venceu esta manhã duas classificativas, uma na Tabua (5,64 kms) e São João (12,45 kms). As outras duas foram vencidas por Pedro Paixão, piloto que acabou por desistir da prova na segunda passagem pela classificativa de São João. Em 2.º lugar, após cinco classificativas, está Miguel Nunes (25:28,3), a pouco mais de sete segundos da liderança, enquanto Pedro Mendes Gomes é terceiro, a mais de dois minutos do líder Alexandre Camacho.

A dupla Vítor Sá/Rubina Gonçalves é a líder do Troféu Janica Clemente e o Troféu Equipa Mista, Paulo Nunes/Duarte Lagos lideram o Troféu Rafael Costa, Carlos Silva/Ricardo Abreu o Troféu Zeca Cunha. Às 15h30 iniciam-se as duplas passagens pelas as classificativas da Fonte do Pinheiro (10,58 kms), e Serra de Água (11,37 kms).

Deixe um comentário