5ª Edição do Sky Trail Camp Madeira realiza-se no próximo fim de semana

Foto: DR

A quinta edição do ‘Sky Trail Camp Madeira’ sai à rua já no próximo fim de semana e contempla 3 dias de actividades, que levam os atletas a redescobrir o percurso de treino de ‘Trail Running’ do Porto da Cruz.

Na sexta-feira dia 17, às 20h00, os atletas saem à descoberta nocturna do percurso de treino de 9km que os leva a percorrer os trilhos mais urbanos da freguesia do Porto da Cruz.

No sábado dia 18, tem lugar o dia com o percurso mais longo, cerca de 30km, que leva os atletas ao topo da Penha d´Águia, para logo depois dar a conhecer um “novo” trilho, disponibilizado apenas para este evento, que é a subida do Lombo do Pessegueiro, trilho que une a levada do Castelo à levado do Furado. Trata-se de um percurso muito técnico e que por isso foi antecipadamente preparado pela equipa de resgate em montanha dos Bombeiros Municipais de Machico, nomeadamente na colocação de algumas cordas que ajudarão os atletas a vencerem os principais obstáculos da subida.

No final da tarde de sábado terão lugar duas palestras abertas ao publico, a primeira ‘O desporto da performance emocional e as emoções na performance desportiva’, pelo professor Mário Fortes Santos, a segunda ‘O que fazemos para mudar o que somo’, pelo João Mota (Trail Coach, Terapeura e Mentor de desenvolvimento desportivo) que abordará a evolução da sua carreira profissional e opções pessoais que o levaram a dedicar-se hoje em exclusivo à vertente desportiva, em específico o Trail Running, passando de apaixonado pela modalidade a atleta, a dirigente da ATRP e finalmente a Trail Coach.

No domingo, para finalizar os treinos, haverá um treino com cerca de 20km que incluirá a já famosa subida do Lombinho e o trilho da Boca do Risco – Larano.

Na sexta-Feira e sábado, a partir das 22h00, fomentando o cariz mais de convívio e menos desportivo do evento terá lugar a Poncha Party do Dino´s Bar.

De referir que estão inscritos no evento 211 participantes, dos quais 160 são continentais e estrangeiros. O que fez esgotar a capacidade de alojamento da freguesia do Porto da Cruz, e que tem um impacto económico muito significativo nesta localidade.

Deixe um comentário