“Melhor atleta alemã” estagiou no Clube Desportivo da Madeira

Foto: DR

Desde dezembro de 2017, o Clube Desportivo da Madeira (CDM) está com a “melhor atleta alemã” dos 400 metros em barreiras da atualidade, Djamila Bohm, que tem sindo “uma inspiração” para os atletas madeirenses.

“O CDM tem vindo a destacar-se, pois tem vindo a receber atletas internacionais na modalidade de atletismo, nomeadamente ingleses, alemães, italianos e russos, que procuram o CDM para fazer estágio, pelas boas condições que o mesmo oferece e também pelo clima que a ilha tem”, começa por dizer o clube, numa nota de imprensa.

No caso de Djamila Bohm, destaca, “verificamos que o contato desta atleta com os atletas madeirenses, na troca de ideias, experiências e material, desenvolve um papel importantíssimo na motivação do atleta e aumento de novos sonhos nos mesmos e seus treinadores”.

O CDM acrescenta, ainda a propósito, que no próximo dia 15 de janeiro, entre as 10 e às 12 horas, dará as boas-vindas a um grupo de atletas noruegueses e suíços, sendo que um deles, Raffael Huber, acumula 13 títulos internacionais em provas de orientação/ trail.

O Centro Desportivo da Madeira, é um espaço criado pela Sociedades de Desenvolvimento, destinado à prática, expansão e conhecimento do Desporto.

Localizado no vale da Ribeira Brava, é um moderno espaço polivalente, dotado de equipamentos de elevada qualidade, concebido para a prática de várias modalidades desportivas.

O Centro Desportivo da Madeira, como se designa oficialmente, estende-se ao longo de cerca de 60 mil m2, constituído por dois campos de futebol – um de relva natural e outro de relva sintética –, uma pista de atletismo, com oito corredores, preparada para salto à vara, em comprimento e em altura, lançamento de peso, de disco, de martelo e de dardo.

O estádio é composto por uma bancada para mais de 2.300 lugares, dividida em três secções: tribuna, público e deficientes.

No interior da bancada situam-se as zonas específicas de apoio aos campos, com sanitários, vestiários, núcleo administrativo, bilheteira, recepção, posto médico, ginásio, gabinete de imprensa, dois bares de apoio e salas de reuniões, informática e audiovisuais.

O restante complexo desportivo é composto ainda por um campo de futsal (futebol de sete) em relva sintética, dois courts de ténis, dois de padel e ainda um de bate-bolas.

Há ainda um campo polidesportivo coberto, particularmente vocacionado para as modalidades de andebol, basquetebol e voleibol.

Para além da componente desportiva, o Complexo Desportivo da Madeira têm uma variante recreativa e de lazer, disponibilizando aos seus utentes um circuito de manutenção com ciclovia, dois espaços para crianças e um snack-bar.

Este espaço segue o conceito do moderno do desporto científico e respondem à necessidade do público em geral.

DEIXE UMA RESPOSTA